Receba dicas de economia ⭐ conselhos de compras inteligentes 🧡 e ofertas no Blog DaazCavernas 😲 Leia notícias, análises de produtos e muito mais.

Qual o primeiro livro de Stephen Edwin King? Nascido em Portland nos Estados Unidos, um escritor que hoje é intitulado como “O Rei do Terror”. Porém, no ano de 1974, King não sabia o que iria se tornar.

O primeiro livro escrito através de suas próprias mãos não agradaram aos seus olhos, o manuscrito foi jogado no lixo e graças a sua esposa, Tabitha, que Stephen decidiu continuar a história. Qual o primeiro livro de Stephen King? Nós vamos te contar, mas antes é preciso saber um pouco mais sobre o autor.

Apesar de nascer em Portland, Stephen tem um grande carinho pelo estado de Maine, localizado no extremo nordeste dos Estados Unidos, tanto que suas histórias estão sempre localizadas no Estado onde reside.

Alguns relatos sobre sua vida pode ter desencadeado seu lado obscuro, através de contos horripilantes. Quando jovem, Stephen viu um amigo ser atropelado por um comboio, porém, ele nega que o ocorrido tenha relação com suas histórias. O que podemos afirmar é, ser um fanático leitor de quadrinhos EC’s horror comics durante a infância influenciou bastante em seus romances e contos.

Após estudar Inglês, equivalente ao curso de Letras no Brasil, na universidade do Maine entre 1966 a 1971, Stephen tornou-se um escritor super completo.

Os 30 melhores livros de terror de todos os tempos
Melhores livros de terror, apenas 4 palavras, mas que irá te deixar com cabeloem pé apenas no sussurro do virar de páginas. Vamos listar os melhores livros deterror de todos os tempos. > Penso que você não vai querer ler à noite ou sozinho. Antes de falarmos da nossa lista com os melhores livro…
Veja também: Os 30 melhores livros de terror de todos os tempos

Receba dicas de economia ⭐ Conselhos de compras inteligentes

Qual o primeiro livro de Stephen King?

Citamos logo na introdução que o primeiro livro de King só tornou-se publicado graças a esposa. A estória da produção desse romance começa devido a ideia da jovem mulher com poderes psíquicos, mas descartou a ideia, jogando-as no lixo, literalmente.

Tabitha Jane Spruce ou Tabitha King também é escritora e resgatou os manuscritos e o encorajou a continuar.

King aceitou e finalizou o romance intitulado “Carrie”. Hoje muito conhecido, mas em 1974 o escritor recebeu US$ 2.500 pelo livro.

Veja também: Contos clássicos de terror que você precisa ler

Lançado em 5 de abril de 1974, logo na primeira leva foram vendidas 30.000 cópias. Junto ao sucesso veio o, podemos dizer, acerto de contas, fazendo com que US$ 200.000 fossem entregues a King devido aos direitos autorais.

Mas o que transformou a primeira história de um criador, até então, desconhecido, digna de adaptação cinematográfica 2 anos após seu lançamento?

Carrie A Estranha

Qual o primeiro livro de Stephen King? Carrie A Estranha
Qual o primeiro livro de Stephen King? Carrie A Estranha

O romance de terror conta a história de Carrie White, apenas uma garota que no ano de 1979 está no ensino médio. Seu jeito desajustado a torna impopular, sem amigos e constantemente intimidada e abusada, até mesmo pela sua mãe, uma fanática religiosa. A gota d’água ocorre no baile de formatura, onde seus poderes são levados ao limite.”

Veja também: Livros perturbadores que irão mexer com suas noites de sono

Apesar de ter uma descrição pequena a história é extremamente aterrorizante. A mistura entre o sobrenatural junto ao terror psicológico é na dose certa e o livro transmite as dores que Carrie sente ao ser humilhada no colégio e ter uma vida completamente conturbada dentro de casa.

PEGAR DESCONTO EM LIVROS

Algumas curiosidades sobre o primeiro romance de Stephen King

  • Apesar de ser o primeiro livro publicado de King, já havia escrito outros três;
  • Carrie fez-se baseada em dois colegas de escola de Stephen, ambos eram irmãos e faziam parte de uma família muito rigorosa religiosamente. Eram pobres e sofriam bullying no colégio por utilizarem as mesmas roupas;
  • As escolas americanas não aprovam este livro a leitura, então, Carrie é frequentemente banido das bibliotecas;
  • O filme terminou banido da Finlândia;
  • King conta que ao receber a ligação da editora sobre a aceitação do livro, chegou a não acreditar. Ele achava que Carrie não seria aceito, muito menos rentável;
  • King inseriu-se na história duas vezes, a primeira como Edwin King e a segunda na companhia do pseudônimo de John Swithen.

Os números de Stephen King

Começo de carreira é sinônimo de começar por baixo, é onde você está aprendendo e precisa levar os “tombos da vida” a fim de evoluir e tornar-se cada vez melhor.

Mas o que acontece quando já começa no auge? Stephen King não sabia que seu primeiro livro, qual ele quase jogou fora, venderia 30 mil cópias na primordial remessa. Ele não fazia ideia que a história seria aceita pelo público. Se fosse para apostar, estaria longe de saber teria um bolso mega recheado ao publicar esta obra.

Podemos considerar o Rei do Terror um gênio? A resposta ideal a essa pergunta é, ninguém é rei sendo mediano, porém, King estudou muito para fazer jus ao nome colocado em seu nascimento.

Veja também: Os 3 principais livros de terror de Stephen King

Atualmente seus livros chegam a marca de 400 milhões de cópias vendidas em todo o mundo, cerca de 40 países publicaram suas obras. Em toda a história, King é o nono autor mais traduzido do mundo. E, sem dúvida, o que possui maior número de obras adaptadas para o audiovisual, são 64 películas e 30 séries de TV.

Sendo a principal bilheteria em 1976 através do título de seu primeiro livro “Carrie”. Assim como na obra literária, o filme foi um sucesso. Seu orçamento de US$ 1,8 milhão foi infinitamente recompensado, a arrecadação total foi de US$ 33,8 milhões na época.

Naquele ano aconteceu a 49ª cerimônia do Oscar e “Carrie” recebeu duas indicações, uma como melhor atriz (Sissy Spacek, Carrie) e Melhor Atriz Coadjuvante (Rosetta Jacobs, Margaret White).

Todas as produções literárias e cinematográficas lhe renderam a terceira posição de escritor mais bem pago do mundo, segundo a revista Forbes em 2018. Estando atrás de James Patterson e J. K. Rowling.

Apesar de todo o sucesso nos Estados Unidos o título chegou ao brasil apenas em 2001 através da Editora Objetiva com o título “Carrie A Estranha”. Como estamos em 2020 ou ainda mais no futuro, tudo depende de quando estiver lendo este texto, temos acesso a maioria, senão, todas as obras do Rei do Terror.

Aproveite para mergulhar no universo sobrenatural e assustador de Stephen King através de sua primeira obra.